banner

A recuperação da esquizofrenia é muitas vezes um processo lento, formado por várias pequenas conquistas. Neste vídeo, o Ronen  partilha os primeiros sinais positivos que observou no seu caminho para a recuperação:

Os sintomas da esquizofrenia e o incómodo que podem causar no seu dia-a-dia são claros, mas a sua saúde física também pode ser afetada. Os objetivos do tratamento e da recuperação são diminuir ou parar os sintomas, reduzir o número de recaídas e ajudá-lo a voltar às suas atividades diárias. 1,2 Através de uma boa saúde e apoio social, é possível diminuir os riscos físicos ligados à esquizofrenia, incluindo os efeitos secundários dos tratamentos e mudanças no estilo de vida.

É fundamental que tenha apoio para o ajudar a seguir o plano definido. Se lhe tiver sido prescrita uma medicação oral diária, isto implica tomar o medicamento, dose e horários certos todos os dias, participar nas consultas médicas e seguir cuidadosamente outras regras de tratamento. Se estiver a tomar um antipsicótico de ação prolongada (um injetável), é fundamental que vá às consultas, para que tome a medicação na altura certa. Estes tratamentos podem ser administrados em intervalos de duas semanas, uma vez por mês ou quatro vezes por ano.

Os seus amigos e familiares podem, muitas vezes, ajudá-lo a reconhecer sinais de alerta de recaída logo no início. Alguns exemplos desses sinais podem ser o estar a dormir menos, comer menos, estar mais nervoso, ansioso ou mais “alerta”, não ter vontade de se levantar, ou não ser capaz de se concentrar tão bem como normalmente. Se tratar destes sintomas logo no início, é muito provável que melhore e que volte a aproveitar a vida rapidamente.1

Nesta secção

Também poderá gostar